sábado, 21 de maio de 2016

Entrevista: Hugo Miranda

Hugo Miranda, ex-concorrente da «Casa dos Segredos 5», deseja trabalhar em televisão e casar com Inês Silva, a sua namorada. Hoje é o protagonista desta entrevista no SobreTudo.

1. Quem é o Hugo Miranda?
Olá! O meu nome é Hugo e tenho 26 anos. Considero-me um apaixonado pela vida, que nunca vira a cara à luta. Mostro-me pela simplicidade e humildade que me caracteriza e faz de mim um ser humano amigo do seu amigo. Procuro sempre o melhor para mim assim como dos meus. Como todas as pessoas também tenho os meus defeitos, o maior que tenho que considero um defeito é ser demasiado perfecionista, mas outro defeito é o meu mau humor matinal que por vezes atormenta as pessoas as meu redor naqueles instantes. 

2. Tornou-se conhecido pela sua participação na «Casa dos Segredos 5». Que balanço faz da sua estadia no reality show da TVI?
Faço um balanço bastante positivo de todo o reality show, um jogo que foi todo muito intenso e eu estava a levar aquilo na melhor das calmas. Não entrei muito no jogo em si, e acho que isso tinha tido algumas pontos negativos a meu favor. Mas de tudo aquilo que se passou ali dentro encontrei o Amor da minha vida e isso foi muito mais que uma vitória.

3. O seu segredo era «Entrei com o meu pai na Casa dos Segredos». Sentiu-se inibido no jogo com a presença do seu pai?
Para ser sincero, as primeiras horas foram muito complicadas de suportar o simples facto de ter que ignorar o meu pai. Acho que até o segredo ser descoberto joguei de uma forma simplificada sabendo que não poderia dar muito a desejar para que os outros não descobrissem nada, mas depois ao longo dos dias a nossa cumplicidade começava a transparecer na casa e os mais atentos não deixaram esses pequenos gestos passar, descobrindo finalmente o meu segredo.

4. Foi na casa mais vigiada do país que o Hugo encontrou Inês, a sua atual namorada. O casamento está nos vossos planos?
É verdade, na casa encontrei a minha atual namorada. Óbvio que o casamento está nos nossos planos, assim como tantos outros planos que temos para a nossa vida. Será um futuro a seguir. 

5. Também a sua participação na «Casa dos Segredos 5» ficou marcada pela polémica devido a um comentário racista. Ainda sente o efeito negativo desse momento?
Tenho família, amigos, colegas de trabalho de raça negra e eles fazem parte da minha família e sempre me apoiaram em tudo depois disso. Isso demonstra que tenho os melhores do meu lado. 

6. Após a sua saída, o Hugo foi convidado a participar no «Desafio Final 3», mas desistiu na gala de abertura. Arrepende-se dessa decisão?
Na vida nunca me arrependo de nada, aliás só me arrependo daquilo que não faço. Achei que a melhor opção seria não entrar, tinha acabado de sair, a minha relação necessitava ser cimentada e não poderia se colocá-la de novo no meio de um jogo onde poderia arriscar a perdê-la. Fiz o melhor por nós.

7. Muitos dos ex-concorrentes da «Casa dos Segredos» pretendem trabalhar na televisão. Também é o seu sonho?
Acho que não fujo também a esse desejo. Trabalhar na televisão sempre foi um dos meus desejos. Quando entrei na casa pensei que aquilo poderia ser uma rampa para aquilo que poderia pretender no futuro, mas no fundo as coisas não são tão fáceis como nós pensamos.

8. Aceitaria voltar a participar num reality show?
Tudo dependeria de que tipo de reality show se tratasse, também da minha disponibilidade porque tenho uma vida e um emprego que não me permite muito andar por "aí", mas gostaria de ter uma nova experiência, claro.

9. O Hugo submeteu-se, recentemente, a um transplante capilar. Não se sentia bem com a sua imagem? 
Aquilo a que me submeti não teve muito a ver com o sentir-me bem comigo mesmo, quis foi salvaguardar que no futuro não viesse a sentir-me mal comigo mesmo. Com muito sinceridade, digo que antes de fazê-lo não me sentia mal, tinha era medo/receio que mais tarde a calvície pudesse mudar a minha imagem assim como o meu bem-estar, mas posso dizê-lo que hoje sinto-me melhor e sei que no futuro irei encontrar aquilo que sempre desejei. Não deixando de lado todo o trabalho realizado pela Clínica Saúde Viável em todo este processo, agradeço-lhes por tudo. 

10. O Hugo voltou a trabalhar nos Pastéis de Belém. Como é o seu dia-a-dia fora das luzes da ribalta?
O meu dia-a-dia é de uma pessoa normal. Trabalho 8 a 10 horas por dia, onde me dedico a 100% à minha profissão, fazendo aquilo que tanto gosto. Nas horas livres, aproveito para cuidar de mim com idas as ginásio e muito mais.... (Sempre com tempo para namorar também).

Sem comentários:

Enviar um comentário