quinta-feira, 26 de abril de 2018

Cláudio Ramos esclarece polémica com Júlio Isidro

Recentemente, durante o programa «Passadeira Vermelha», Cláudio Ramos confessou não gostar muito de Júlio Isidro por causa de uma «coisa muito feia». Face à «polémica instalada na imprensa», o apresentador e comentador da SIC recorreu ao seu blog Eu, Cláudio! para explicar tudo o que aconteceu há mais de duas décadas.
«Júlio tinha na altura uma produtora chamada JIP (...) por iniciativa minha e, depois de falar ao telefone com a sua produção, depois de saber que estavam a preparar um programa novo, enviei-lhe, por carta, uma data de propostas de rubricas (...) liguei para a produtora e foi-me marcada uma conversa com Júlio Isidro», começou por revelar.
Assim, Cláudio Ramos deslocou-se às instalações da produtora. «Esperei meia hora, uma hora, duas horas… perdi a conta ao tempo e deixei de encontrar posição no sofá. Mais tarde, uma simpática senhora veio dizer-me que o ‘Senhor Júlio continuava em reunião, e hoje já não o vai conseguir atender’. Muito bem! Achei feio», recordou.
«Foi isto que aconteceu. Como podem ver, não há problema nenhum. O Júlio não me fez mal nenhum. Só seguiu a agenda dele, que não coincidiu com a minha. É vida dos crescidos, que eu na altura não entendia», concluiu.

Sem comentários:

Enviar um comentário