domingo, 12 de fevereiro de 2017

As polémicas de José Carlos Pereira na TVI

Na noite deste domingo, a TVI encontra-se a exibir a segunda gala de «A Tua Cara Não Me É Estranha - Especial», que ficou marcada pela ausência do jurado José Carlos Pereira. Segundo a imprensa, o ator faltou ao programa devido a «um problema muito grave para resolver», o que gerou uma grande agitação nos bastidores.
O blog SobreTudo recorda agora as maiores polémicas protagonizadas por José Carlos Pereira na estação de Queluz de Baixo:

Depois da sua estreia em «Anjo Selvagem», Zeca aceitou protagonizar a telenovela «Baía das Mulheres». Não compareceu a um dia de gravações, sem avisar a produção, gerando um prejuízo de milhares de euros. Foi chamado para uma reunião onde levou «um valente puxão de orelhas» e esteve em risco de ser despedido.

Em janeiro de 2007 foi afastado do elenco da quarta temporada da série juvenil «Morangos com Açúcar». A produtora NBP decidiu dispensá-lo depois de episódios de indisciplina como chegar atrasado às gravações e criar mau ambiente.

«Textos mal decorados, atrasos e faltas injustificadas nas gravações» foram os motivos para a TVI afastar José Carlos Pereira da telenovela «Mar de Paixão», em 2010. O final da sua personagem foi escrito «à pressa». Nesse mesmo ano, foi internado numa clínica de reabilitação, onde permaneceu três meses.

Em março de 2013, o também cantor causou polémica, em direto, numa das galas de «A Tua Cara Não Me É Estranha 3», depois de ter reagido de forma ríspida a Fernanda Serrano, também jurada do programa. Minutos depois, pediu desculpa, alegando cansaço (vídeo - a partir do minuto 15:25).

Na sequela de «Jardins Proibidos», em 2014, Zeca foi despromovido a um papel menor por causa da vida boémia e da mudança de visual sem consentimento da produção. Posteriormente, acabou por ser mesmo afastado da telenovela, devido aos atrasos constantes.

Sem comentários:

Enviar um comentário