quinta-feira, 19 de dezembro de 2019

Eunice Muñoz não recebe convite da SIC e regressa à TVI

Aos 91 anos de idade, Eunice Muñoz continua a ser um nome sonante no mundo da representação. Afastada da televisão há vários meses, a veterana atriz é um desejo assumido por Daniel Oliveira: «uma pessoa especial».
No entanto, a 'dama' do teatro aceitou o convite para integrar o elenco de «Vitória», a nova telenovela da TVI que estreia em 2020. O blog SobreTudo sabe que Eunice Muñoz não foi contactada pelo diretor da SIC.

Cristina Ferreira indignada com notícia e comentários obscenos

«Algemas, álcool e mulheres: Cristina Ferreira em noite louca». O título polémico publicado pelo site FLASH! refere-se à despedida de solteira de uma amiga da apresentadora da SIC, que decorreu no passado fim de semana.
O grupo jantou num restaurante perto da Avenida da Liberdade, em Lisboa. Velas, flores, um prato especial para a noiva e algemas cobertas de pêlo eram alguns elementos decorativos. No final da noite, o brinde foi feito com pequenos shots de bebida branca e limão.
«Quase nunca leio sequer o conteúdo destas merdas, que não são notícias, mas decidi abrir só para ver os comentários...», começou por escrever a ex-parceira de Manuel Luís Goucha no InstaStory, que foi alvo de linguagem obscena e de cariz sexual.
«Pronto, fiquei satisfeita. Conseguiram o objetivo. Era este o tipo de comentários que quem faz estas merdas queria ler», acrescentou. De seguida, Cristina Ferreira divulgou alguns comentários positivos de fãs que saíram em sua defesa.
Em tom irónico, a rainha das manhãs contou: «E agora vou ao pequeno almoço: 'Cristina em festa louca logo pela manhã. Acompanhada de um homem pequeno [o filho Tiago, de 11 anos]. A festa foi regada de sumo de laranja e ovos mexidos. O pão era de Mafra».
«Ah e não pensem que valorizo estas merdas. O que seria. Não tenho tempo a perder com isto. Foi só para perceber o tipo de cabeça de quem escreve, o que procura e o tipo de pessoas que leem isto. No fundo foi tipo um estudo de mercado. Mas percebi que o objeto de estudo não merece o meu tempo, mas merece o do regulador. Por isso partilhei», concluiu.

Teresa Guilherme: «A TVI fez uma quantidade de erros»

Com a mudança de Cristina Ferreira para a SIC no início de 2019, a TVI perdeu a liderança das audiências. Na opinião de Teresa Guilherme, a queda da estação de Queluz de Baixo, agora liderada por Felipa Garnel, deveu-se a «um conjunto de opções discutíveis» e a «uma quantidade de erros, em horários diferentes».
«Acho errado manterem os programas como o Dança com as Estrelas e o A Tua Cara Não Me É Estranha porque são dois formatos que tinham sido apresentados pela Cristina. Ou seja, a permanente lembrança da ausência desta não ajudou. É como se tivessem a enaltecer uma coisa que já não tinham», explicou a apresentadora à revista TV7 Dias.
«Os programas têm um dono, não é? Têm uma imagem. E acho que essa reação à saída da Cristina levou a que a TVI se deixasse abalar em muitos horários. A manhã provavelmente perderia mas, se calhar, nos outros horários não perderia tão rápido», acrescentou a eterna rainha dos reality shows.

«O que é feito da Riquita?»: Manuel Luís Goucha lança apelo para encontrar ex-concorrente do «Big Brother»

A propósito do regresso do «Big Brother», marcado para o próximo ano, Manuel Luís Goucha recordou algumas «figuras marcantes» da primeira edição e aproveitou para fazer um pedido em direto, numa das emissões recentes do programa «Você na TV!».
«Curiosamente, não nos lembramos daquela que foi a primeira a sair da 'casa' e que, na altura, realmente deu que falar por várias características. Estamos a falar da Riquita. Vocês não se lembram! O que é feito da Riquita?», começou por dizer o apresentador.
O parceiro de Maria Cerqueira Gomes desafiou a ex-concorrente do mítico reality show: «Se porventura nos estiver a ver, porque não, vinte anos depois, vir aqui à TVI para conversar connosco». «Se souber do paradeiro de Riquita, contacte a nossa produção», acrescentou.
De acordo com alguns comentários publicados nas redes sociais, Riquita continua a exercer a sua profissão de professora e chegou a ser diretora de um estabelecimento de ensino.

Alexandra Lencastre à beira da depressão?

Atualmente a gravar a telenovela «Na Corda Bamba», em exibição de segunda a sexta-feira na TVI, Alexandra Lencastre pode estar a atravessar um período difícil na sua vida, provavelmente provocado pelo intenso ritmo de trabalho nos estúdios.
A atriz publicou recentemente várias frases enigmáticas no Instagram, em tom de desabafo: «Não tenho um sistema nervoso. Eu sou um sistema nervoso», «A maldade não deve ser devolvida, deixe para a vida cobrar» e «Às vezes se retirar, é o melhor a se fazer».
Os fãs da 'diva' da ficção nacional ficaram preocupados e rumores indicam uma depressão - aliás, já não é a primeira vez que tal acontece: nos últimos anos, as diversas crises emocionais que sofreu afetaram o seu aspeto físico, com constantes alterações de peso.

SIC aposta em telefilme e nova temporada de «Golpe de Sorte»

A série «Golpe de Sorte» despediu-se da antena da SIC há pouco mais de um mês, mas prepara-se para regressar. Daniel Oliveira, diretor-geral da estação, decidiu dar continuidade ao projeto líder de audiências e protagonizado por Maria João Abreu.
No próximo sábado, dia 21 de dezembro, o telefilme «Golpe de Sorte - Um Conto de Natal» estreia no ecrã. Eis a sinopse:
Contam-se as horas para a noite de consoada. No palacete da Euromilionária, os Garcia preparam com entusiasmo o primeiro Natal com toda a família reunida, agora com Caio (Jorge Corrula), Sílvia (Dânia Neto) e Júnior também presentes. Desdobrando-se em tarefas para surpreender os mais pequenos, e cheias de ideias mirabolantes, Maria do Céu (Maria João Abreu) e Telma (Isabela Valadeiro) querem que este seja o mais excêntrico e divertido Natal de sempre… longe de imaginarem que a tão desejada visita de Júnior vai pôr em risco todos os seus planos! Enquanto isso, Horácio (Vítor Norte) quer voltar a fazer história para reconquistar a sua popularidade e derrotar o rival Tino (João Paulo Rodrigues), lembrando-se de erguer a maior árvore de Natal da Europa no centro da vila. No meio desta azáfama com os preparativos para a grande noite, nem tudo vai correr como o planeado. Será que a magia do Natal vai mesmo acontecer em Alvorinha?

Posteriormente, a história da euromilionária Maria do Céu terá direito a uma quarta temporada, cujas gravações arrancam ainda no primeiro trimestre de 2020. «A série teve muito sucesso, portanto faz todo o sentido que se prolongue», disse o ator José Raposo, que faz parte do elenco, à revista VIP.

Série com Guilherme Leite e Luís Aleluia 'escondida' na RTP há 13 anos: «até hoje ninguém a viu»

«Olha que Dupla! Lembra-se desta série? Não se lembra? É natural. Ela foi gravada em 2006 (13 episódios) mas nunca foi emitida». A denúncia foi feita por Guilherme Leite através da página da Saloia TV, o seu projeto digital, no Facebook.
Guilherme Leite e Luís Aleluia são os protagonistas da referida produção onde «fazem vários papéis em simultâneo e com técnica de realização aparecem todos no mesmo espaço cénico» e «aproveitava os 'bonecos' criados para os programas da manhã e da tarde do Serviço Público de Televisão e reunia todos num imaginário Centro Comercial de Província».
«De repente, e depois da série toda gravada... alguém, daqueles que em vez de fazerem, vivem de "mexer cordelinhos"... resolveu esconder a série. E escondeu-a tão bem que até hoje ninguém a viu. Estranho, não é? Porque terá sido?», acrescentou o conhecido ator, que publicou ainda o primeiro episódio de «Olha que Dupla!», com a duração de quase 28 minutos.

Andreia Machado ataca Ítalo Lima: «toma vergonha na cara»

Andreia Machado e Ítalo Lima separaram-se há vários meses e continuam em guerra aberta. Na semana passada, a filha dos dois polémicos ex-concorrentes do reality show da TVI «Love On Top» sofreu com alguns problemas respiratórios e teve de ser assistida por médicos.
No Instagram, a antiga stripper criticou duramente o ex-namorado: «Acho uma piada, estão dias e dias sem querer saber da filha doente, até se recusam a vir buscar a filha por ficar longe e agora vê a InstaStory no hospital e já é o pai mais preocupado do mundo a ligar 500 mil vezes».
«Claro, [ficou] sem qualquer tipo de resposta, toma vergonha na cara», rematou a mãe da pequena Maria Eduarda (Duda), de apenas dois anos de idade.

quarta-feira, 18 de dezembro de 2019

Elton John acusado de ter comportamentos de diva

Aos 72 anos de idade, Elton John continua a dar que falar pelas suas atitudes. No início deste mês de dezembro, o icónico cantor britânico insultou os seguranças durante um concerto, enquanto estes expulsavam uma rapariga do local: «vão-se fod**!».
Posteriormente, o também pianista atirou a sua mala, da conhecida marca Gucci e avaliada em cerca de quatro mil euros, quando chegou ao Aeroporto de Sidney, na Austrália. O ataque de fúria foi filmado e divulgado na imprensa e foram tomadas medidas.
No regresso a casa, Elton John exigiu uma tenda para o proteger dos paparazzis enquanto entrava no avião.

Marco Costa mentiu em entrevista?

Marco Costa esteve recentemente na rádio Mega Hits como convidado da rubrica «Cala-te Boca». Para além da farpa a José Castelo Branco, o conhecido pasteleiro causou polémica depois de lhe perguntarem: «Tu envolveste-te com mais alguém da Casa dos Segredos, para além da Susana?».
«Não, por acaso não, por acaso não calhou. Na altura, quando eu saí, era solteiro, havia tanta gente para nos envolver, para que é que eu ia envolver com colegas?», respondeu, visivelmente descontraído. As críticas não se fizeram esperar nas redes sociais e chegou a ser chamado de «mentiroso».
Segundo a imprensa nacional, o marido de Vanessa Martins 'enrolou-se' com Cátia Palhinha e Cristiana Dionísio e chegou a falar-se que traiu a mulher com Helena Isabel Patrício.

«Ver P'ra Crer» bate recordes de audiências

Com apresentação de Pedro Fernandes, «Ver P'ra Crer» é a atual aposta da TVI no horário das 19 horas e, embora ainda não tenha alcançado a liderança - perdendo consecutivamente para «O Preço Certo» (RTP1) e «Casados à Primeira Vista 2» (SIC) -, melhorou os números deixados pelos vários antecessores.
Na passada sexta-feira, dia 13 de dezembro, uma média de 630 mil telespectadores acompanharam o programa, com as presenças especiais dos atores Rita Pereira e Joaquim Horta, correspondente a 6.7% de rating e 15.5% de share. Tratou-se do melhor resultado desde que estreou, há dois meses.
Esta terça-feira (17), a emissão do «Ver P'ra Crer» obteve a atenção de 634 mil e 600 pessoas (6.7% de audiência média e 15.1% de quota de mercado).

Rita Pereira reage à possibilidade de apresentar a nova edição do «Big Brother»

Com estreia prevista para o primeiro trimestre do próximo ano, o reality show «Big Brother 2020» continua sem apresentador definido. Teresa Guilherme não foi convidada pela TVI e Manuel Luís Goucha já negou publicamente essa hipótese.
Rita Pereira é um dos nomes em cima da mesa e pronunciou-se sobre o assunto: «Era um grande desafio! Não sei se o faria bem, mas, se calhar, era elevar a fasquia na apresentação e seria, sem dúvida, um grande desafio», disse à revista TV Mais.
«Nos diretos tudo pode acontecer, pois está muito dependente das respostas e atitudes de cada participante... Teria de me adaptar a cada uma daquelas personalidades, saber tudo de cor, estudar todos os dias o que está a acontecer...», acrescentou a atriz.

Lourenço Ortigão e Sara Matos evitam-se em jantar de Natal

Separados e de costas voltadas há cinco anos, Lourenço Ortigão e Sara Matos reencontraram-se na passada segunda-feira, dia 16 de dezembro, no jantar de Natal organizado pela agência que os representa, a Naughty Boys.
Os ex-namorados, que se conheceram e apaixonaram nas gravações da série «Morangos com Açúcar», sentaram-se na mesma mesa em lados opostos e distantes um do outro, num conhecido restaurante na zona do Príncipe Real, em Lisboa.
De fora desta celebração ficou Kelly Bailey, atual companheira de Lourenço e que também é agenciada pela mesma empresa.

SIC suspende programas de Cristina Ferreira e Júlia Pinheiro durante uma semana

Líderes de audiências, «O Programa da Cristina» e «Júlia» vão estar fora da programação da SIC entre os dias 23 e 27 de dezembro. Em substituição, o terceiro canal vai apostar maioritariamente em cinema.
Em declarações à revista Maria, uma fonte oficial da estação liderada por Daniel Oliveira informou que «vai conceder a semana de Natal às duas produções, que tiveram um ano muito exigente».

«Ninguém sabia»: Júlio César revela luta contra o cancro

Júlio César foi convidado do programa de Júlia Pinheiro na passada segunda-feira, dia 16 de dezembro. O ator recordou os seus melhores momentos na SIC e emocionou-se depois de ver imagens da telenovela «Amor Maior», exibida há cerca de três anos, onde interpretava um idoso que sofria maus-tratos por parte do filho. «Foi uma coisa muito dura», começou por dizer.
«Estava com cancro no pulmão. Ninguém sabia, ninguém soube. Aliás, os colegas e a própria imprensa, acho que tiveram um grande respeito por este momento da minha vida que foi muito difícil», contou. Júlio César viu-se obrigado a afastar-se temporariamente do projeto para ser operado e ficou sem um terço do pulmão. Seguiram-se quatro sessões de quimioterapia que o ajudaram a vencer a doença e o deixaram fora de perigo.
«Eu era fumador compulsivo. Eu fumava duas, três latas de cigarrilhas por dia. E gostei muito de fumar», recordou.

Maria Cerqueira Gomes está em fim de contrato com a TVI

Depois de quinze anos de emissões, o «Você na TV!» tem os dias contados na TVI e Manuel Luís Goucha vai passar a ficar sozinho. O novo programa, cuja estreia está prevista para meados de março de 2020, está «a ser tratado com o máximo secretismo».
Com esta decisão, o futuro de Maria Cerqueira Gomes permanece incerto: «Ela ia sair das manhãs em dezembro, mas (...) foi-lhe pedido que ficasse mais uns tempos», conta uma fonte da estação de Queluz de Baixo à revista TV Mais.
O contrato da apresentadora foi prolongado por mais dois meses e a própria «aceitou de bom grado».

José Fidalgo e Oceana Basílio assumem namoro

José Fidalgo e Oceana Basílio apaixonaram-se nas gravações da telenovela «Amor Maior», atualmente em reposição na SIC, mas nunca admitiram publicamente que namoravam. Ao longo dos últimos três anos, a imprensa noticiou zangas e reconciliações entre os dois atores.
No passado dia 30 de novembro, o casal surgiu na gala GQ Men of the Year de mãos dadas e decidiram acabar com os rumores. Em declarações ao programa «Passadeira Vermelha», da SIC Caras, José Fidalgo e Oceana Basílio garantiram: «Estamos felizes».

«A Máscara» é o novo programa da SIC

A segunda edição de «Casados à Primeira Vista» encontra-se na reta final e a SIC já anunciou o que vem a seguir, a partir de janeiro de 2020. Chama-se «A Máscara» e trata-se de um programa surpreendente onde, todas as semanas, 12 celebridades defrontam-se numa competição musical.
No entanto, esta competição tem uma particularidade única: as celebridades escondem-se atrás de máscaras que têm por objetivo guardar o maior segredo da história da televisão... as suas identidades. Ninguém sabe quem está a atuar, nem mesmo o apresentador, João Manzarra.
A cada confronto entre celebridades, o painel de 'Investigadores' - composto por Carolina Loureiro (atriz), César Mourão (humorista), Jorge Corrula (ator) e Sónia Tavares (cantora) - e o público tentam adivinhar quem está por detrás da máscara e votam na melhor interpretação.
Em todos as emissões, uma personagem é desmascarada e revelada a sua identidade, no palco à frente de todos. No programa mais misterioso do ano, a grande pergunta que se coloca é: quem está por detrás da máscara?

segunda-feira, 16 de dezembro de 2019

Maria Flor Pedroso abandona direção de informação da RTP

Esta segunda-feira, dia 16 de dezembro, o Conselho de Administração (CA) da RTP emitiu um comunicado a revelar que o pedido de demissão de Maria Flor Pedroso do cargo de diretora de informação foi aceite, após a polémica com Sandra Felgueiras e o programa «Sexta às 9». Em causa estão reportagens sobre o lítio e o Instituto Superior de Comunicação Empresarial (ISCEM): a primeira foi suspensa durante a campanha eleitoral e a sua exibição adiada para depois das eleições; e a segunda denunciou «suspeitas de corrupção» e Flor Pedroso, que foi docente daquela instituição de ensino, terá avisado Regina Moreira, diretora do ISCEM, antes de ir para o ar.
A jornalista colocou o seu lugar à disposição por «considerar que, face aos danos reputacionais causados à RTP, não tem condições para a prossecução de um trabalho sério, respeitado e construtivo, como sempre tem feito». «O CA nomeará em breve uma nova direção à qual continuará a exigir a implementação das melhores práticas, para que o jornalismo feito pela RTP seja o mais completo, o mais sério, o mais credível e o mais isento, ao total serviço do público», pode ler-se na nota. De acordo com o jornal Observador, Cândida Pinto, Helena Garrido, Hugo Gilberto e António José Teixeira, diretores adjuntos de Maria Flor Pedroso, também deverão abdicar.

«Pesadelo na Cozinha» recupera a liderança das audiências

Depois da derrota inédita e surpreendente na semana passada, o polémico programa «Pesadelo na Cozinha» voltou ao primeiro lugar este domingo, dia 15 de dezembro, obtendo o melhor resultado da temporada.
O Chef Ljubomir Stanisic foi chamado à cidade da Marinha Grande para ajudar o restaurante O Histórico e conquistou 13.0% de rating e 24.7% de share, correspondente a um milhão e 230 mil telespectadores sintonizados na TVI.
Na SIC, a gala semanal do reality show «Casados à Primeira Vista 2» ocupou a vice-liderança do horário com um milhão e 88 mil pessoas (11.5% de rating e 21.8% de share). O concurso «The Voice Portugal» entregou o terceiro lugar à RTP1.

Apresentadora do Porto Canal desabafa: «O truque na televisão é não se afeiçoar demasiado às coisas»

Com a saída de Maria Cerqueira Gomes para a TVI, Débora Sá ganhou protagonismo na antena do Porto Canal. Depois do «Olá Maria!», a apresentadora assume atualmente a condução do programa «D'Mais», nas manhãs de segunda a sexta-feira.
No passado dia 12 de dezembro, Débora Sá fez uma publicação enigmática nas redes sociais: «O truque na vida [e na televisão] é não se afeiçoar demasiado às coisas. Na televisão... aos programas, aos horários, aos conteúdos. Fora da televisão, vocês já sabem não é?», começou por escrever.
«Agora o reverso da moeda... Já que estou eu a dar a cara por este programa tento com unhas e dentes criar ambiente familiar aqui. E a equipa é toda como eu, espetacular. (...) Isto não deixa de ser um contrassenso... dá tudo, por alma em tudo, viver intensamente mas não se afeiçoar demasiado», acrescentou.
«E digo isto em jeito de auto reflexão porque acho mesmo que devemos tentar libertar as amarras dentro e fora da televisão. Então foi lindo?», finalizou.

José Castelo Branco detido por suspeita de roubo

José Castelo Branco preparava-se para regressar a Nova Iorque na passada quarta-feira, 11 de dezembro, mas foi impedido de embarcar, após ter sido acusado de roubar um perfume numa loja do Aeroporto de Lisboa e acabou por ser levado para a esquadra da PSP, onde foi identificado, constituído arguido e notificado para comparecer no dia seguinte (12) no Tribunal de Pequena Instância Criminal de Lisboa.
A polémica foi divulgada pelo próprio em dois vídeos publicados na sua conta do Instagram que, entretanto, foram apagados: «Eu ia comprar cigarros, só disse que me queria perfumar. Entretanto, não sei como, ela [a funcionária] foi chamar a segurança para ficar famosa (...) Então, a pindérica foi dizer que eu tinha roubado. E agora estou aqui. Imagina: eu a passar por ladra. Isto não é normal! Isto não é normal!».

quarta-feira, 11 de dezembro de 2019

Morreu o ator José Lopes (1958-2019)

O ator português José Lopes foi encontrado morto numa tenda onde vivia, nos arrabaldes de Sintra, junto a uma estação de comboios. A informação foi avançada por amigos, familiares e colegas nas redes sociais. Ainda não são conhecidas as causas, nem o dia ou a hora exata do falecimento. Tinha 61 anos de idade.
Nascido a 31 de março de 1958, José Manuel Lopes participou em várias peças de teatro e filmes, marcou presença em vários festivais internacionais e encontrava-se com graves dificuldades económicas. Por isso mesmo, está a decorrer uma campanha de angariação de fundos para financiar o funeral.

Morreu a cantora Marie Fredriksson (1958-2019)

A cantora e compositora sueca Marie Fredriksson faleceu esta segunda-feira, dia 9 de dezembro, aos 61 anos de idade, depois de «uma longa batalha» contra o cancro no cérebro, diagnosticado em setembro de 2002.
Nascida na pequena cidade de Össjö, na Suécia, a 30 de maio de 1958, Gun-Marie Fredriksson foi vocalista da banda Roxette. «It Must Have Been Love» e «Listen To Your Heart» foram os maiores êxitos da sua carreira.
Marie Fredriksson foi operada para remover o tumor e ficou com danos irreversíveis, tais como perda de visão e alterações na mobilidade do lado direito do corpo. Afastou-se totalmente do trabalho, em 2016, por recomendação médica.

Carolina Patrocínio está grávida pela quarta vez

Esta terça-feira, dia 10 de dezembro, Carolina Patrocínio revelou no Instagram que vai voltar a ser mãe. A apresentadora do programa «Fama Show», da SIC, é casada com o jogador de râguebi Gonçalo Uva e já têm três filhas: Diana, de cinco anos, Frederica, de três, e Carolina, de um.
«Desde o Verão a imaginar como será o nosso primeiro rapaz. Só me resta agradecer o quão surpreendente a minha vida tem sido nos últimos tempos. Viver esta experiência pela quarta vez em 5 anos só me dá a certeza do quão forte, independente e segura a gravidez me torna», escreveu.

Ator de «Morangos com Açúcar» torna-se figurante

Hélio Pestana, que ficou conhecido por interpretar o vilão Henrique Batista na segunda temporada da conhecida série «Morangos com Açúcar», entre 2004 e 2005, está de volta à televisão numa função diferente.
O ator faz parte do público presente no estúdio do programa «Ver P'ra Crer», apresentado por Pedro Fernandes nos finais de tarde da TVI, reencontrando as ex-colegas de elenco, Ana Guiomar e Rita Salema.


Na sua página de Facebook, Hélio Pestana - que sofre de psicose e foi acusado de perseguir uma mulher - partilhou uma fotografia nas gravações da telenovela «Terra Brava», exibida na SIC, onde também é figurante.

Manuel Luís Goucha indignado em direto: «é uma falta de respeito para com o trabalho das pessoas»

Na passada segunda-feira, dia 9 de dezembro, Manuel Luís Goucha chegou ao estúdio do «Você na TV!» e não gostou do que viu: «A casa está organizada, mas estava muito desorganizada», começou por dizer em direto.
O apresentador decidiu colocar «a boca no trombone» e criticou a falta de cuidado das pessoas que mudam o cenário por causa do programa «Sábado na TVI»: «deixam cair as árvores [de Natal], as árvores partem, fica tudo fora do sítio».
O parceiro de Maria Cerqueira Gomes quer saber qual é a empresa responsável para o devido 'puxão de orelhas': «Acho que é uma falta de respeito para com o trabalho das pessoas e eu respeito muito o trabalho dos outros».

Regresso do «Conta-me Como Foi» acompanhado por mais de meio milhão de telespectadores

Oito anos depois do último episódio, a RTP1 decidiu avançar com uma nova temporada de «Conta-me Como Foi». A série protagonizada por Rita Blanco e Miguel Guilherme sofreu um salto temporal na história - passa a decorrer na década de 1980.
A estreia aconteceu no passado sábado, dia 7 de dezembro, e foi vista por cerca de 564 mil telespectadores, correspondente a 6.0% de rating e 13.0% de share, ficando atrás da SIC («O Programa da Cristina - Especial») e da TVI («Mental Samurai»).

Já nasceu o filho de Liliana Antunes e Daniel Gregório

Um ano e quase três meses depois do nascimento de Ariel, a família de Liliana Antunes e Daniel Gregório aumentou esta segunda-feira, dia 9 de dezembro.
«Santi Marcel, bem-vindo ao nosso mundo! Vieste preencher um espaço guardado só para ti», escreveu a ex-concorrente da «Casa dos Segredos 5» no Instagram.
O nome do bebé gerou curiosidade: Santi tem origem no Latim e é diminutivo de Santo. Marcel significa jovem guerreiro e combatente.

Catarina Furtado alerta: «É totalmente mentira!»

O nome de Catarina Furtado foi associado a um esquema de burlas e a apresentadora da RTP1 denunciou nas redes sociais: «Não comprem! É totalmente mentira! Mais uma vez, sou vítima do uso abusivo da minha imagem por desconhecidos mal intencionados, verdadeiros criminosos que utilizam sem o meu consentimento a credibilidade que tenho trabalhado para merecer junto do público».
«Nas redes sociais estão fazer publicidade enganosa e a vender o produto 'Choco Lite' para emagrecimento. Não conheço, nunca experimentei e é uma verdadeira fraude. É uma sensação muito desconfortável saber que 'através de mim' se está a enganar muitas pessoas, utilizando montagens, fotografias, frase e entrevistas que nunca dei!», explicou.
A anfitriã do programa «The Voice Portugal» mostrou-se preocupada «com as pessoas que encomendam estes produtos dos quais desconheço as garantias de qualidade e que podem, prejudicar severamente a sua saúde» e informou que «O assunto está a ser tratado judicialmente e entretanto emito este desmentido para tentar evitar que mais pessoas sejam vítimas».
«Aproveito para agradecer as dezenas de mensagens que tenho recebido, tentando esclarecer se esta publicidade é ou não verdadeiro e, inclusivamente, enviando-me fotografias da mesma. Peço que me continuem a enviar por mensagem privada e que quem tenha encomendado o produto me possa contactar. Muito obrigada!», finalizou.

terça-feira, 10 de dezembro de 2019

Maria Vieira arrasa «Roast - Ljubomir Stanisic»: «tive vergonha de assistir!»

No passado sábado, dia 7 de dezembro, a TVI exibiu o «Roast - Ljubomir Stanisic», que contou com Rui Sinel de Cordes no papel de Roastmaster e um ilustre painel de convidados: Merche Romero, Eduardo Madeira, Marco Costa, Gilmário Vemba, Maurício Meirelles, Pedro Henriques, Patrícia Tavares e Hugo Nascimento. O espetáculo de humor decorreu no Campo Pequeno, em outubro.
Maria Vieira contou no Facebook que recebeu o convite para tal, mas recusou de «uma forma simpática e civilizada», «afirmando que não estava interessada em participar no dito programa, apesar da natural insistência do produtor que ainda perdeu algum do seu precioso tempo a tentar convencer-me a fazer parte de uma coisa que eu não faria nem a troco de um milhão de euros, quanto mais pelos 535€ que eles devem pagar a cada uma daquelas figuras que alinham naquele festival de mau gosto, de inenarráveis ofensas, de trágicas obscenidades e da maior falta de respeito pelo próximo, jamais transmitida na televisão portuguesa».
A eterna Parrachita decidiu «dar uma espreitadela na coisa apenas para ver até que ponto a imbecilidade, o exibicionismo, a ausência de princípios e a pobreza de espírito podem chegar e acabei por concluir que ao pé desse roast, o Big Brother e todos esses reality shows medíocres e acéfalos que inundam a maioria dos canais de TV aberta são praticamente umas peças de William Shakespeare».
«Confesso que não faço ideia de quem são metade das pessoas que ontem vi fazerem parte daquilo, mas tem lá gente que é sobejamente conhecida (com uma ou duas dessas pessoas eu até já tive oportunidade de trabalhar) e apesar de cada qual ser livre de fazer o que muito bem lhe apetecer, juro que não consigo entender como é que é possível alguém sujeitar-se àquilo que eu, apenas e tão só como espectadora, tive vergonha de assistir!», finalizou a atriz.

Rita Pereira chora a morte da cadela: «Para sempre, a minha Hyndia»

Esta segunda-feira, dia 9 de dezembro, Rita Pereira revelou nas redes sociais: «Hoje estou muito triste. Muito mesmo. Sabia que esta tristeza um dia ia chegar, mas não pensei que fosse já. A minha Hyndia morreu. A minha Hyndia».
«Morreu na praia, num dia lindo, com um sol de Outono lindo, a correr atrás de pedras, como tanto adorava, nos braços da pessoa que mais a amava. Fez-me tão feliz, acrescentou tanto à minha vida», acrescentou a atriz e apresentadora da TVI.
«Quem convive comigo sabe que a levava para todo o lado. Foi comigo para o teatro, para as gravações, fez capas de revista, entrou em novelas, foi a programas de tv, fez campanhas publicitárias, fez sorrir tanta gente. Era tão inteligente. Nunca usou uma coleira ou uma trela, seguia-me para todo o lado. Confortou-me em momentos difíceis, enxaguou as minhas lágrimas, fez-me rir à gargalhada, cuidou do Lonô», recordou.
Em conclusão, Rita Pereira garantiu ter «muito orgulho dela» e «uma coisa é certa, dei-lhe todo o meu amor e sei que a fiz muito feliz nestes 10 anos ao meu lado. Para sempre, a minha Hyndia».



Ver esta publicação no Instagram

Este post faz-me sentido porque se um dia decidi partilhar um pouco da minha vida convosco, acho justo não partilhar apenas quando estou feliz. Hoje estou muito triste. Muito mesmo. Sabia que esta tristeza um dia ia chegar, mas não pensei que fosse já. A minha Hyndia morreu. A minha Hyndia. Morreu na praia, num dia lindo, com um sol de Outono lindo, a correr atrás de pedras, como tanto adorava, nos braços da pessoa que mais a amava. Fez-me tão feliz, acrescentou tanto à minha vida. Quem convive comigo sabe que a levava para todo o lado. Foi comigo para o teatro, para as gravações, fez capas de revista, entrou em novelas, foi a programas de tv, fez campanhas publicitárias, fez sorrir tanta gente. Era tão inteligente. Nunca usou uma coleira ou uma trela, seguia-me para todo o lado. Confortou-me em momentos difíceis, enxaguou as minhas lágrimas, fez-me rir à gargalhada, cuidou do Lonô. Tenho muito orgulho dela. E uma coisa é certa, dei-lhe todo o meu amor e sei que a fiz muito feliz nestes 10 anos ao meu lado. Para sempre, a minha Hyndia. ❤️
Uma publicação partilhada por Rita Pereira (@hyndia) a

Cristina Ferreira revela «segredo há muito guardado»

No passado domingo, dia 8 de dezembro, Cristina Ferreira escreveu nas redes sociais: «Amanhã anuncio um segredo há muito guardado. Acreditem que esta pequena bolsa branca tem magia lá dentro. Alguém consegue adivinhar?».


Poucas horas depois, a apresentadora da SIC desfez o mistério: «Está revelado o segredo! A partir de hoje as mulheres tem o maior aliado das unhas em casa. A qualquer hora podem mudar a cor das unhas usando as centenas de cores 'Cristina Vernigel' com o nosso catalisador portátil e o kit que hoje estamos a lançar».

Entrevista de Ângelo Rodrigues dá que falar!

No passado sábado, dia 7 de dezembro, a SIC apostou numa emissão especial de «O Programa da Cristina» com a presença de Ângelo Rodrigues, marcando o seu regresso à televisão depois do problema de saúde que o obrigou a estar dois meses internado no hospital.
A apresentadora foi duramente criticada nas redes sociais por ter ignorado o real motivo que causou este drama - injeções de testosterona nas nádegas -, mas rapidamente esclareceu: «Não fiz qualquer referência ao que desencadeou a infeção a pedido do próprio Ângelo e por um motivo que será partilhado mais tarde».
«No entanto acho que o assumir do erro é quanto baste. Este processo pelo qual está a passar é muito longo. Há muita coisa que foi apagada do seu cérebro. Há um caminho difícil para continuar. Na nossa conversa a dor rimou com amor. O que Ângelo sente que o salvou. Eu, como sempre, tentei respeitar os limites do meu convidado. Porque a televisão se faz de pessoas. E é preciso não esquecer isso», acrescentou no InstaStory.


Maria João Abreu, a mãe de Ângelo Rodrigues na ficção, marcou presença na 'casa' de Cristina Ferreira e contou: «Uma amiga sacerdotisa no Tibete disse-me para enviar uma mensagem no grupo para toda a gente visualizar uma chuva dourada sobre o Ângelo».
A gafe da atriz tornou-se viral, uma vez que «chuva dourada» refere-se a uma prática sexual em que se obtém prazer com o ato de urinar em cima de outra pessoa. No «Passadeira Vermelha», a ex-mulher de José Raposo esclareceu que queria dizer «uma chuva de luz dourada».



Ver esta publicação no Instagram

Uma publicação partilhada por António Raminhos (@raminhoseffect) a

José Condessa traiu Bárbara Branco?

José Condessa mudou-se para o Brasil há quase três meses para participar na nova telenovela da Globo «Salve-se Quem Puder» e virou «fofoca de bastidores» devido à proximidade com a colega de elenco, Juliana Paiva. De acordo com o jornal Extra, a paixão pode ter passado da ficção para a vida real.
«Os dois não se desgrudam desde que voltaram das gravações no México, há pouco mais de um mês, e o ator, inclusive, anda frequentando o condomínio da atriz, na Barra. Eles também foram à festa de aniversário de Deborah Secco (...) passaram a noite toda lado a lado, mas se mantendo discretos, sem beijos ou troca de carícias», pode ler-se.
A polémica centra-se no facto de José Condessa namorar com Bárbara Branco há cerca de dois anos, que ficou em Portugal. O casal costumava trocar juras de amor eterno nas redes sociais, no entanto, estes rumores de traição poderão ter afetado a relação, visto que ambos têm-se mantido em silêncio sobre o assunto.

«Big Brother 2020»: Teresa Guilherme desiludida com a TVI

Para celebrar os 20 anos do «Big Brother», a TVI decidiu apostar numa nova edição do mítico reality show. As inscrições estão abertas há mais de uma semana no site do canal e a estreia está prevista para o primeiro trimestre do próximo ano.
Teresa Guilherme ainda não recebeu qualquer convite para voltar a assumir a condução do polémico programa e mostra-se desapontada: «só o facto de não me terem dito nada já diz muito...», afirmou à revista TV7 Dias.
Recorde-se que a apresentadora foi dispensada da estação de Queluz de Baixo há quase dois anos. Para já, Manuel Luís Goucha e Rita Pereira são os nomes apontados pela imprensa para o «BB 2020».

Carolina Loureiro apaixonada por cantor brasileiro

Depois dos romances falhados com o cantor David Carreira e o lutador Diogo Dino, Carolina Loureiro reencontrou o amor ao lado do brasileiro Vitor Kley, conhecido pelas músicas «Morena» e «O Sol».
«Como já falei, o que vivo com a Carol é verdade e não importa se há distância. Se estamos perto ou longe, o que importa é que é de verdade, e se é de verdade fala mais alto», disse o cantor à revista TV7 Dias.
Vitor Kley quer que os seus pais conheçam a sua namorada, a quem não poupa elogios: «Ela está no topo da escala e é muito bom, tanto na música como no amor, que as coisas sejam verdadeiras».

Vitor Kley, cantor brasileiro

Ex-concorrente do «Ídolos» publica carta aberta a António Costa

No passado dia 30 de novembro, João Seilá (que participou na quinta edição do concurso «Ídolos», da SIC) utilizou a sua página de Facebook para divulgar um extenso texto, da sua autoria, dirigido ao atual Chefe do Governo:
Bom dia, Sr. Primeiro Ministro António Costa
Ontem fiz, pela primeira vez este ano, o meu passeio nocturno pelas ruas de Lisboa para ver as luzes de Natal. O Natal leva-me de volta à infância, quando as preocupações eram mais genuínas e quando as minhas mãos ainda não tinham calos e ficavam queimadas com as castanhas assadas.
Nos últimos anos, os meus olhos brilhavam tanto como as luzes de Natal da Avenida da Liberdade. Este ano isso não acontece. Quem me dera que o Natal fosse em Setembro na véspera das eleições.
As luzes não tem brilho, são tão desmaiadas e amarelas como o seu sorriso sempre que pensa na coligação com a Catarina Martins do Bloco de Esquerda.
Isto para si pode ser Natal. Para mim não é!
Entrei na Avenida da República e comecei a ver umas bolas vermelhas e brancas.
Chego ao Saldanha e... NADA! Apenas bolas vermelhas e brancas.
Dei o benefício da dúvida, continuei a descer a Avenida da República sempre a ver as mesmas bolas até chegar ao Marquês de Pombal.
Viro para a Avenida da Liberdade e senti a mesma desilusão que senti há muitos anos quando soube que o Pai Natal não existe.
Não há prédios com fachadas luminosas, não há nada temático na praça, não há fogo de artifício, nem renas, nem duendes…
Quem desce a Avenida da República aprende uma lição muito rápida sobre política.
À ESQUERDA, com investimento e gestão dos mecanismos públicos, fica a Avenida da Liberdade com luzes muito fraquinhas. Até se esqueceram de meter uma estrela na Estátua da Praça dos Restauradores.
À DIREITA, com investimento privado, fica a WONDERLAND. A verdadeira aldeia do Natal. Cheia de luz, cheiro a castanhas assadas, guloseimas e crianças felizes.
E com esta estranha analogia, prova-se aqui mais uma vez, que há mais abundância de boa gestão no setor privado que no público!
E sabendo isto - porque é que estrangula as empresas? Dê-lhes mais liberdade, homem!
Depois lembro-me que o senhor se recusa sequer a considerar a participação de empresas privadas no SNS que garantiam melhor gestão sendo que a fiscalização continuaria a ser feita pelo Estado. Porque é que recusa ideologicamente as privatizações e as PPP?
E depois celebra-se um contrato com uma empresa privada para a exploração de lítio... Não bate a bota com a perdigota!
A gestão privada é MELHOR! Lembro-me do caso do falecido empresário António Champalimaud, a quem a esquerda lhe tirou toda a fortuna convertendo-a em património do estado. Obrigando-o a emigrar sem um tostão. António Champalimaud conseguiu, numa só vida, construir uma fortuna duas vezes. Vocês, excelentíssimos, já conseguiram falir o país quantas vezes?
Eu sou uma criança que adora o Natal e estou genuinamente magoado com estas luzinhas pisca-pisca. Isto não é nada! Duvido muito que o seu governo aguente 4 anos... mas se aguentar, lhe garanto que não me vou esquecer disto quando voltar à urna de voto!
Qual é a sua justificação? A crise? Tenho 27 anos... nunca ouvi falar noutra coisa que não a crise.
Andei o ano todo a pagar impostos! De todos os negócios que fiz durante o ano, muitos deles com margens de lucro medíocres, o senhor lucrou SEMPRE 23%. IVA. No fim, do meu lucro desses negócios ainda lhe tive de dar 21% em IRC. Para não falar nos outros impostos todos que o senhor sabe que existem e que provavelmente se ri cada vez que eu os pago.
Do salário que me chega ao fim do mês, entre Segurança Social e IRS, o senhor levou, pelo menos, SEMPRE, 40% desse valor. Este mês também já lhe paguei 700€ de IUC.
Eu pago-lhe isto tudo e espero um serviço de retorno.
Por falar no seu serviço de retorno, recebi esta semana duas multas de velocidade já com barbas (de há vários meses). Deduzo que estas multas estivessem também cativadas à espera que passasse o período das eleições para virem por correio para minha casa.
Uma delas, deplorável, de 120€, por conduzir a 53km/h num local onde o limite eram 30 km/h. Mas agora também há radares onde o limite é 30? Deu ouvidos à Joacine que queria reduzir o limite de velocidade das cidades para 30 km/h? (outra palhaçada)
Parecem-me estar todos bem uns para os outros. Só se estraga uma casa. Pena que essa casa seja o Parlamento! Pena que essa casa seja a casa da minha casa. Pena que tenham mais força que eu... Pena que eu não possa fazer a minha vida sozinho. Porque não só nunca me ajudaram em nada, como ainda me estorvam muitas vezes.
IVA, IRS, IRC, DERRAMA, PC, PEC, IUC, IMI.. Mais valias, tributação autónoma...
Você leva-me tudo. Aperte-me também nas mamas para ver se elas dão leite!
Eu tento manter a criança que há em mim… mas você dá cabo dela.
Só queria umas luzinhas… Porra!
Uma criança triste. Um adulto revoltado.
Se o Pai Natal existisse, prendava-vos com um artefacto das Caldas.

Mafalda Luís de Castro está aflita de dinheiro?

Sem trabalho regular na representação, Mafalda Luís de Castro pode estar a viver com dificuldades económicas. «Como consegues pagar uma renda em Lisboa?», perguntou um seguidor no Instagram, referindo-se provavelmente ao boom imobiliário e turístico na capital.
«Moro no Intendente. Há uma rua onde trabalho fora do expediente. Se é que me entendes», começou por responder a atriz, que protagonizou a série juvenil «Lua Vermelha» e a telenovela «Louco Amor» (atualmente em reposição na TVI), em tom de brincadeira.
«Agora a sério: há meses que sabe Deus Nosso Senhor Jesus Cristo como consigo mas... sou positiva e lá dou um jeito! Recibos verdes não é fácil também...», acrescentou. O seu último projeto televisivo foi «Alguém Perdeu», cancelado pela direção da CMTV, em maio passado.