terça-feira, 17 de setembro de 2019

Ana Isabel Arroja chateada com Cláudio Ramos: «é a segunda vez que implica comigo e não entendo porquê»

«Ana Isabel Arroja, a 'Voz' de Casa dos Segredos 7, adora um desabafo na internet e usou o seu perfil para chamar 'atrasado mental' a um condutor que estacionou mal o carro ao seu lado. Só que 'atraso mental' não pode ser usado como ofensa. Acho eu, claro!», escreveu Cláudio Ramos na sua crónica na revista TV Mais.
A locutora da Rádio Comercial reagiu à crítica do apresentador e comentador da SIC: «Acho-lhe muita graça, gosto de vê-lo com a Cristina [Ferreira], acho que tem feito um excelente trabalho e concordo, na maior parte das vezes, com as suas opiniões mas é a 2.ª vez que implica comigo e não entendo porquê», começou por escrever.
«Da 1.ª vez enxovalhou-me na Passadeira Vermelha sem ter primeiro tentado falar comigo para perceber o que eu disse realmente ou qual a minha intenção que não foi mais do que uma reacção natural a uma situação que me deixou à toa», recordou.
«Desta vez, ou não havia mais notícias nenhumas no social ou então não vai com a minha cara. Tanta coisa a acontecer na minha vida, lancei um novo livro, tenho o canal de YouTube com a minha filha, fomos à A Tua Cara Não Me É Estranha, fizemos uma produção giríssima para a Caras, tenho um novo videocast na Comercial e ele decide implicar com um post que fiz durante as férias, irritada com a falta de civismo de um otário qualquer», acrescentou.
«Usei uma expressão que tanta gente usa, sem querer ofender quem, de facto, sofre de algum atraso mental mas foi só isso. Não me parece razão para esta 'chamada de atenção' e nem é meu hábito fazer este tipo de desabafos nas redes sociais como ele insinua. Quem me segue sabe que isso é tão raro... mas quem lê isto fica com uma ideia completamente diferente daquilo que sou», explicou.
Em conclusão, Ana Isabel Arroja fez uma pequena correção: «E não, não sou a Voz da Casa dos Segredos 7, Cláudio. Fui a Voz do Reencontro mas sou animadora da Rádio Comercial, esse é o meu principal trabalho. Só para ficar tudo como deve ser».




Acho-lhe muita graça, gosto de vê-lo com a Cristina, acho que tem feito um excelente trabalho e concordo, na maior parte das vezes, com as suas opiniões mas é a 2.ª vez que implica comigo e não entendo porquê. Da 1.ª vez enxovalhou-me na Passadeira Vermelha sem ter primeiro tentado falar comigo para perceber o que eu disse realmente ou qual a minha intenção que não foi mais do que uma reacção natural a uma situação que me deixou à toa. Desta vez, ou não havia mais notícias nenhumas no social ou então não vai com a minha cara. Tanta coisa a acontecer na minha vida, lancei um novo livro, tenho o canal de YouTube com a minha filha, fomos à Tua Cara Não Me É Estranha, fizemos uma produção giríssima para a Caras, tenho um novo Videocast na Comercial e ele decide implicar com um post que fiz durante as férias, irritada com a falta de civismo de um otário qualquer. Usei uma expressão que tanta gente usa, sem querer ofender quem, de facto, sofre de algum atraso mental mas foi só isso. Não me parece razão para esta “chamada de atenção” e nem é meu hábito fazer este tipo de desabafos nas redes sociais como ele insinua. Quem me segue sabe que isso é tão raro... mas quem lê isto fica com uma ideia completamente diferente daquilo que sou. E não, não sou a Voz da Casa dos Segredos 7, Cláudio. Fui a Voz do Reencontro mas sou animadora da Rádio Comercial, esse é o meu principal trabalho. Só para ficar tudo como deve ser.
Uma publicação partilhada por Ana Isabel Arroja (@arrojinha) a

Sem comentários:

Enviar um comentário